Mulher é resgatada durante tortura em tribunal do crime de facção criminosa

Facção sequestrou e torturou mulher que faz tratamento de câncer por vingança

Publicado em
Mulher é resgatada durante tortura em tribunal do crime de facção criminosa

Uma mulher de 44 anos foi resgatada no momento em que era torturada por uma facção criminosa na tarde desta segunda-feira (28) em uma área de mata no distrito de Anhanduí, em Campo Grande.

A vítima que inclusive faz tratamento de câncer, estava muito machucada e em pânico no momento da chegada dos guardas municipais. O caso pode tratar-se de vingança, já que, segundo informações, os autores acreditam que um familiar da mulher fez uma denúncia que resultou em uma apreensão de cigarros, em Anhanduí.

Em pânico e chorando muito, ela foi encontrada sentada e amarrada em uma árvore. O marido da mulher acionou a Guarda Civil Metropolitana e acompanhou o resgate. No momento em que os agentes do GPI (Grupos de Pronta Intervenção) chegaram ao local, os autores já tinham fugido.

Ainda segundo a GCM, a mulher foi agredida e asfixiada. Na árvore onde estava amarrada, havia iniciais de uma facção criminosa. Duas suspeitas foram presas e serão submetidas a reconhecimento.

Uma delas foi detida enquanto trabalhava e a outra quando estava em casa, em Anhanduí. Testemunhas informam que os autores quiseram se vingar, já que os bandidos, de acordo com testemunhas, atribuem a denúncia a um familiar da vítima.

A mulher foi abordada após levar a filha à escola, no início do período vespertino. Ela, segundo a Guarda, foi sequestrada por dois homens e uma mulher que estavam em uma caminhonete prata. A mulher foi quem abordou a vítima e a colocou dentro do veículo. O caso está sendo registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), do Bairro Piratininga.

Fonte: Midia Max

Deixe um comentário